Top

Virando a página

É preciso saber quando uma etapa chega ao final. Se insistirmos em permanecer nela mais que o tempo necessário, perderemos a alegria e o sentido de outras etapas que precisamos viver.

As coisas passam e o melhor que fazemos é deixar que elas se vão. Por isso, destrua recordações ruins e dê espaço para o que lhe fará bem no futuro, mude de casa, doe coisas que não usou no ano que se finda, troque livros que já leu por novas histórias. O que já foi útil para você no passado, pode ser proveitoso para outra pessoa agora. Mantenha o caminho aberto para o que está vindo.

Deixe ir embora. Solte. Desprenda-se.

Ninguém está jogando com cartas marcadas nesta vida. Portanto, às vezes ganhamos, às vezes perdemos. Não espere que lhe devolvam algo ou que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda. Isso apenas o envenenará, nada mais.

Antes de começar um novo capítulo, é preciso terminar o antigo. Diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará. 

Mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era e se transforme em quem deseja ser. Seja energia.

Um novo ano se inicia. Novos ares, desafios, encontros. Não perca o que te encanta – reflita, pondere, crie estratégias. Com isso, novos horizontes serão abertos e tudo que parecia cinza, tomará cor. 

 

Feliz 2019!

Herbenia Moura

Herbenia Moura

Gestora de pessoas e Consultora de Negócios, há mais de 20 anos atuando na área Comercial e Administrativa, atualmente estudante de Direito com pretensões futuras de atuação na área empresarial.

Todos os Posts

Deixar comentário.


versão - outubro 2018